Freestyle

Como dobrar sua capacidade de memorização e se sair bem em provas e apresentações

A técnica é conhecida como, Palácio da Memória – ou também de método de loci – essa técnica foi criada na Grécia Antiga e facilita significativamente a habilidade do cérebro de recobrar informações e conceitos. Ela é uma das técnicas preferidas entre os participantes de campeonatos de memorização.

Pesquisadores da universidade de Radboud, na Holanda, descobriram que depois de 40 dias de treinamento de 30 minutos usando o Palácio da Memória, a capacidade de memorização dos participantes do estudo mais que dobrou de tamanho.

Tudo isso foi medido e quantificado pelo estudo, no qual de uma lista de 72 palavras, as pessoas passaram a memorizar, em média, 62. Antes dos treinamentos e utilização da técnica, os participantes se lembravam de uma média de 26 palavras, segundo a pesquisa.

Dica importante: Para que um estudante se lembre de algum conceito, é preciso, em primeiro lugar, que ele entende o que está estudando. Sem aprendizado não há memorização. A repetição também é importante. Repetir uma ação ou um trajeto ou ainda revisar o conteúdo aprendido numa aula (várias vezes) também ajuda a fixa-lo na memória.

Como funciona a técnica Palácio da Memória

1. Decida qual é o seu palácio

O primeiro passo é decidir qual será o seu palácio. Qual espaço você vai usar. Você pode escolher um lugar, como a sua casa por exemplo, ou o escritório em que você trabalha ou ainda um trajeto, que você faz todos os dias.

É mais fácil usar um espaço que você já conheça bem. O mais importante aqui é que você possa fechar os olhos e consiga visualizar perfeitamente o ambiente – ou o trajeto – como todos os seus elementos.

2. Escolha os elementos-gancho do seu palácio

Esses elementos podem ser os móveis e objetos que você encontra caminhando da sala para o quarto, ou as lojas e estabelecimentos que você encontra no caminho do trabalho para casa.

Suponha que você tivesse escolhido cinco elementos-gancho percorrendo o escritório da sua empresa: 1º uma impressora, 2º um botijão, 3º uma máquina de café, 4º um bebedouro e um 5º caixa eletrônico. Esses serão os elementos-gancho e essa é a ordem definida, pois é importante manter essa ordem dos elementos.

3. Crie associações entre os elementos e os conceitos que você desejar lembrar

Para essa etapa, vamos exemplificar utilizar os cinco fundamentos da República Federativa do Brasil, dispostos no Artigo 1º da Constituição: Soberania; Cidadania; Dignidade da pessoa humana; Valores Sociais do trabalho e da livre-iniciativa; Pluralismo político.

A soberania é associada ao primeiro elemento-gancho que é a impressora: “imagine que você está andando pelo escritório e vê a impressora imprimindo fotos de um soberano”.

Em seguida, o botijão é associado ao fundamento da cidadania. “Imagine que você está vendo dois cidadãos brigando pelo botijão, porque o gás está caro”.

O terceiro elemento-gancho é a máquina de café que deve ser associada à dignidade da pessoa humana. “Pense que ao chegar à máquina de café você encontre uma pessoa ali dentro servindo um café atrás do outro sem nunca parar, trabalhando tanto que chega a perder a dignidade”.

Para associar o bebedouro ao quarto fundamento, que são os valores sociais do trabalho, a saída foi imaginar que do bebedouro saíam notas de vários valores diferentes, em vez de água.

Por fim, o caixa eletrônico é ligado pluralismo político imaginando que no caixa eletrônico, políticos de diferentes partidos disputavam a tapa o dinheiro que de lá jorrava.

4. Ande pelo palácio e visualize cada cena que criou

É hora de fechar os olhos, andar pelo palácio da memória e presenciar cada uma das cenas imaginadas. Quanto mais estranhas e/ou engraçadas as cenas forem, mais facilmente você se lembrará delas e consequentemente dos conceitos associados. Em um minuto e meio de revisão é possível recordar até 25 itens.

Segundo especialistas, o Palácio da Memória pode ajudar diferentes perfis de estudantes e profissionais. Serve, por exemplo, para guardar conceitos de Direito, fórmulas matemáticas ou regras de biologia. Além também de ser utilizado para memorizar uma apresentação sem usar rascunhos. Fonte: Exame

Load More In Freestyle

Deixe uma resposta